We were lying on your couch I remember

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

We were lying on your couch I remember

Mensagem por Camille Morrison em Seg Nov 24, 2014 4:22 pm


DADOS DA RP
RP FECHADA

TRENTON & CAMILLE

TAGGS: TERÇA. INICIO DA NOITE. APARTAMENTO. ABRIL. PRIMAVERA.

Haru™ Sourcecode

_________________
Baby Doll
They'll never take my body from your side
thanks to Larissa
avatar
Camille Morrison

Mensagens : 83
Data de inscrição : 14/11/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: We were lying on your couch I remember

Mensagem por Camille Morrison em Seg Nov 24, 2014 4:23 pm


Baby Doll


Trent queria levá-la para um hospital, e a verdade era que Cami odiava o lugar, mas apenas balançou a cabeça concordando, não queria mais discutir. Então deixou que ele a levasse em seu carro. Ele voltou para o estúdio para pegar as chaves e avisar Hazel, e quando voltou, segurava uma bolsa de gelo para ela.

Durante todo o caminho eles não disseram quase nenhuma palavra, e a verdade era que Cami estava com medo de falar, e estragar esse momento de paz e eles voltassem a brigar. Chegaram ao hospital e por sorte Cami foi atendida rapidamente. Ela havia aberto e deslocado um pouco o pulso e precisaria usar uma munhequeira gigante para colocá-lo no lugar.

Saiam dali e foram direto a farmácia, pois Trent insistira em comprar o medicamento e a pomada que o médico havia recomendado. Então finalmente eles foram para a casa dela, e só então Cami notou o quanto estava cansada, e já era 16h, ela teria que ir trabalhar dali duas horas. Estavam quase chegando a seu apartamento quando Trent quebrou o silêncio, falando de seu carro e que ela devia ligar para Jeremy e avisar que não poderia ir hoje.

Considerou aquilo por um momento, e servir bebidas a noite inteira com aquela mão machucada realmente não era uma boa ideia. Concordou com a cabeça e olhou para ele, depois de um bom tempo sem olhá-lo. Ele enfim estacionou na frente da casa dela, e ficou um minuto parado antes de olhá-la e quando o fez, ele se desculpou de novo, dizendo que tudo era culpa dele.

- Trent - ela começou meio incerta - Não é só sua culpa, ok?

Ela se sentia culpada também, culpada por tê-lo irritado, culpada por tê-lo provocado, culpada principalmente por ter um namorado, mas que no momento a única pessoa que queria ter por perto era ele, queria aquele abraço novamente. E sentia-se mortalmente culpada por isso.

Destravou o sinto e abriu a porta do carro. Olhou novamente para ele e então saiu. Foi para a porta de seu apartamento, gritando consigo mesma que não olhasse para trás, ou falasse com ele de novo, mas ela era fraca demais, estava sensível demais, então simplesmente deu meia volta e voltou até o carro. E quando ele abaixou o vidro ela se sentiu a pessoa mais egoísta do mundo.

- Você pode ficar? - ela perguntou sentindo-se uma criança assustada, mas o olhar que ele lhe deu foi um pouco como espanto - Desculpa, eu não devia pedir isso.

Deu meia volta novamente e foi para a porta do apartamento, mas parou quando ouviu a porta do carro bater e o alarme ser disparado. Ele havia ficado e um pequeno sorriso formou-se nos lábios de Cami. Entrou no apartamento sendo seguida por ele.

Assim que entraram, Tent foi para a cozinha preparar algo para eles comerem, enquanto Cami foi trocar de roupa. Tirou o jeans apertado e colocou uma calça de moletom e uma blusa fina de mangas compridas. Voltou para a sala e encontrou Trent terminando de por a mesa. Encostou-se no balção enquanto o observava longamente, ele tinha braços fortes, que estavam tensionados enquanto ele arrumava tudo, seu corpo era perfeito, e ele tinha mão fortes e firmes, e traços maravilhosos. A genética realmente era uma coisa impressionante.

- Precisa de ajuda? - quebrou o silêncio - Obrigada por tudo, Trent.

Ela se referia a comida e principalmente por ele ter ficado. Estava se sentindo fodidamente como um lixo por tantos motivos.

COPYRIGHT  - EDITING DONE   BYWonky





_________________
Baby Doll
They'll never take my body from your side
thanks to Larissa
avatar
Camille Morrison

Mensagens : 83
Data de inscrição : 14/11/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: We were lying on your couch I remember

Mensagem por Trenton Bondurant em Seg Nov 24, 2014 8:15 pm

I still get jealous
Even though I know you don't love me.
Apesar de ela afirmar que não era sua culpa, ele ainda sentia que era. Trent apenas balançou a cabeça concordando, ainda virado para frente sem olha-la. Ele queria evitar aqueles olhos o máximo possível, antes que ele pudesse dizer ou fazer alguma besteira.


Quando ela saiu, se afundou no banco do motorista como um derrotado. Mas assim que escutou sua volta, e seu pedido Trent quase sorriu. Apenas o fato de que ele era um fodido, que ela tinha um namorado e que ela só queria que fossem amigos; o impediu. - Eu não acho que seja uma boa ideia. - Murmurou em resposta. Mas ele podia negar um pedido dela? Mesmo se odiando por seu um covarde mandado, Trent saiu do carro correndo atrás de Cami. Ele conseguia ver a relutância em seus olhos, mesmo quando ela pediu para ele ficar.


Ele se encaminhou para a cozinha, apenas para que pudesse controlar seus pensamentos. Estava sem um pingo de fome, mas fez sanduíches para ambos. - Tudo bem. - Nada estava bem. - Já terminei. - Sentou-se em uma banqueta. Não sabia dizer se Camille estava agradecendo pelo sanduíche ou por outra coisa. Ela não deveria agradecer por nada, ele tinha feito ela machucar o braço e atrapalhado toda a sua vida. - Não precisa agradecer. - Trent estava se sentindo um merda. Pior do que jamais se sentiu. Ele queria ao mesmo tempo sair correndo dali, como nunca mais queria sair de perto dela. Era um fodido bipolar.


Enquanto observava Camille comer seu sanduíche, uma pergunta rolava em sua mente, mas ele não se atreveria a perguntar. Queria saber o por quê de ela pedir para ele ficar, mesmo tendo pondo todos os limites possíveis em cima dele. Seu celular tocou, salvando-o de não fazer nenhuma besteira. Olhando pelo visor quebrado quase praguejou alto. - Fala. - Resmungou.

- Fala você! Onde você se meteu? O que você fez ontem? E onde diabos você está agora? - Rolou os olhos umas duas ou três vezes antes de responder. - O que você quer, Rick?
- O que eu quero? Você me liga de madrugada e depois desaparece seu idiota. Quero saber por onde você andou.
- Eu te liguei? - Trent pensou por alguns segundos. - Ah sim, você ligou pra sua mãe?
- Liguei. E ela é sua mãe também seu babaca.
- Claro.
- Não comece.
- Eu não disse nada.
- Babaca. Você falou com ela depois?
- Não.
- E com o resto? Nosso pai? Thomas?

- Claro que não falei com ninguém, muito menos com o Thomas. O que eu iria falar com o Thomas? Você andou bebendo? - Rick e Trent eram irmão gêmeos, porém não eram únicos. Tinham mais um irmão mais velho chamado Thomas, que era como se fosse a cópia mais jovem do pai deles. Rick se dava bem com seu irmão mais velho, mas Trent o odiava. Sobretudo por que Thomas não gostava e fazia questão de dizer isso sempre; do estilo de vida de Trent.

- Você que anda bebendo! Onde você está? Quero falar com você. - Trentou quase xingou seu irmão gêmeo e o mandou a merda com todo aquele papo. Não estava afim de conversar, e sabia qual era o motivo da conversa. O motivo estava sentado em sua frente o observando enquanto ele falava ao telefone. - Eu tenho que desligar, vejo você por ai. - Desligou o telefone antes que Rick pudesse responder. Guardou seu celular antes que pudesse terminar de quebrar o aparelho.

- Filho da mãe. - Murmurou consigo mesmo.
 
rawr
att @ sa!

_________________
I don't want the whole story. I just want you.
avatar
Trenton Bondurant
Adultos
Adultos

Mensagens : 81
Data de inscrição : 14/11/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: We were lying on your couch I remember

Mensagem por Camille Morrison em Qua Nov 26, 2014 4:30 pm


Baby Doll


Estavam comendo sanduíches em sua bancada, sanduiches feito por Trenton, quando seu celular tocou. Camille notou que o visor estava quebrado, mas não quis questionar o porque, então apenas deu outra mordida no lanche, enquanto o moreno a sua frente praguejava e atendia o aparelho.

Escutou toda a conversa, ele parecia falar com seu irmão gêmeo, Richard, alguém que Cami não ia muito com a cara, mas apenas ignorou este fato. O que a incomodou realmente foi quando Trent falou de Thomas, seu irmão mais velho. Dizendo que não, não havia conversado com ele ainda.

Seus olhos arregalaram e ela ficou realmente incomodada, tão incomodada que perdeu ate a fome. Colocou o lanche no prato e se levantou. Sentia o coração acelerado, ela estava super agitada. passava as mãos pelo cabelo.

Então Trent desligou o aparelho e olhou para ela, ela podia sentir o olhar dele. Não disse nada, deixou-o sozinho e caminhou para o quarto? O que faria? Teria que expulsar Trent porta a fora? Não queria fazer isso, mas estava desesperada.

Sentia-se a beira de um ataque de nervos. O que faria? Ouviu uma batida na porta, e depois ela foi aberta lentamente, por Trenton que a olhava preocupado. Tentou mentir e sorrir, dizendo que estava bem, mas não estava. Precisava contar tudo a ele.

Mordeu o lábio inferior que tremia violentamente, não acreditava que iria chorar, mas o que podia fazer? Ela passara por tantas coisas naquele dia, que não aguentava mais segurar tudo aquilo. As lagrimas que agora rolavam pelo seu rosto eram mais fortes que ela.

Correu para a porta e abraçou Trent. Porra! Como ela era uma fodida egoísta. Ele nunca a perdoaria, mas agora tudo o que conseguia fazer era chorar contra o peito dele e tinha uma grande chance dela estar encharcando sua camiseta.

Trenton a levou para o sofá, sem deixar de abraçá-la, onde ela continuou a chorar contra seu peito. A vergonha, magoa, culpa a dominavam. Forçou-se a falar. Ela precisava fazer isso, mesmo que sofresse as consequências depois, ela precisava falar pra ele.

- Te...Trent - gaguejou no começo, mas engoliu o choro, ainda não conseguia encará-lo - Preciso te falar...Preciso te contar sobre o TJ.

Sentiu o corpo do rapaz enrijecer sob o seu. Sabia que aquele assunto o deixava irritado, mas ele ficaria ainda mais irritado depois do que ela tinha a dizer. E talvez o perdesse de todas as formas, para sempre.

Soluçou algumas vezes, a verdade é que sempre gostara dele, sempre sentira um amor platônico pelo rapaz. E agora que tinha um milésimo dele para si, ela iria estragar tudo.

Por mais uma vez, Camille Morrison era uma fodida idiota.







_________________
Baby Doll
They'll never take my body from your side
thanks to Larissa
avatar
Camille Morrison

Mensagens : 83
Data de inscrição : 14/11/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: We were lying on your couch I remember

Mensagem por Trenton Bondurant em Sab Nov 29, 2014 1:43 pm

I still get jealous
Even though I know you don't love me.
Ele não estava entendendo absolutamente nada.

Após desligar o telefone, Cami teve uma reação inesperada. E agora ali, com ela em seus braços ele tinha a sensação que algo tinha a ver com o telefonema, mas o que?

Amava Camille Morrison desde a primeira vez que a tinha visto. De moletom e tennis, suja e parecendo um garoto. Ele tinha adorado ela desde o primeiro segundo em que seus olhos posaram nos dela. Sim, Trent poderia ter conversado com ela, certo? Virado seu amigo, ou coisa do tipo, mas assim no mesmo instante em que se viram, no outro ela já tinha dado um chute entre as pernas de um garoto - que talvez fosse irmão dela - e o xingado tanto que aquilo não poderia ter saído de um boca tão delicada. Ele não se aproximou mais pois tinha medo dela, da reação dela e sobretudo de ser rejeitado. Ele viveu a vida toda sendo rejeitado, e tinha um medo enorme de sofrer isso de novo. Além de tudo, após entrar na faculdade e ter sofrido aquele fatal acidente onde seu melhor amigo morrera, Trent achava que ela merecia alguém melhor que ele, afinal ele não era nada.


- Eu não preciso saber Cami, eu não quero saber sobre esse cara. – Puxou o rosto dela para sí, enquanto encarava Camille nos olhos. – Eu não quero saber a história toda, eu só quero você. – Cansado de esconder sobre as coisas, Trent simplesmente optou por falar a verdade. Os dias que passaram juntos tiveram seus altos e baixos e ele esta farto de toda essa merda de serem amigos.


Ele estava mentindo pra si mesmo sobre ser somente amigo dela, e ela também. Trent não queria ela pela metade, ele queria Camille por inteiro.

 
rawr
att @ sa!

_________________
I don't want the whole story. I just want you.
avatar
Trenton Bondurant
Adultos
Adultos

Mensagens : 81
Data de inscrição : 14/11/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: We were lying on your couch I remember

Mensagem por Camille Morrison em Sab Nov 29, 2014 9:57 pm


Baby Doll


Sentiu Trent ampará-la, aninhando-a em seus braços. Ele delicadamente passava a mão por seus cabelos enquanto ela chorava. Sentia-se uma idiota por chorar daquela forma. Justo ela, que sempre fora ensinada por seus irmãos a não chorar na frente de ninguém, de repente havia se tornado uma manteiga e Trenton era o fogo que a derretia.

Fungou algumas vezes tentando se acalmar, mas tudo parecia ir por água a baixo quando ele lhe disse que não queria saber nada sobre TJ. É claro que ele não queria, mas precisava.

Soltou-se dele, e levanto a cabeça para olhá-lo nos olhos e contar toda a verdade, mas porra, ele estava a centímetros de distância, com seus olhos perfeitos, sua boca perfeita, e todos os traços perfeitos. Olhava em cada canto de seu rosto, memorizando tudo.

Ouvir Trent dizer que ele só queria ela, fora a gota d’água, sempre fora racional, mas desde que havia levado ele embora do Neon, naquele sábado, ela perdera completamente o juízo, e a noção do certo e errado. Seus dedos avançaram por sua camiseta molhada por suas lágrimas, puxando-o de encontro a si e então beijou seus lábios.

O puro choque fez seus lábios ficarem duros e paralisados, mas depois eles se derreteram contra os dele, junto com o resto de seu corpo. Ela relaxou, por mais que uma parte lá no fundo de sua mente gritasse o quanto ela estava errada. Sua respiração acelerou, e o seu coração bateu tão alto que tinha certeza de que Trenton podia ouvi-lo. A língua dele deslizou entre seus lábios e suas mãos deslizavam pelos braços até as costas da garota, trazendo-a para mais perto de si. E quando o ar faltou em seus pulmões ela se afastou minimamente.

- Agora isto está complicado – disse recuperando o fôlego, então levantou-se do sofá e começou a andar pela sala, de um lado para o outro, enquanto a culpa queimava em seu peito, em sua cabeça, em sua pele. – Eu não deveria ter feito isso, mas eu...


Mas não conseguiu continuar, queria explicar para ele que não conseguia pensar com ele por perto, que não tinha mais domínio de seu corpo quando ele olhava para ela. E que ela também o queria, queria que ele fosse dela, sempre quis. Mas precisava terminar seu relacionamento com TJ primeiro.


Mas era tarde demais, Trent achava que ela se arrependera de beijá-lo, quando na verdade ela se arrependia de ainda estar namorando. Mas agora ele estava furioso e não dava a chance dela se explicar.







_________________
Baby Doll
They'll never take my body from your side
thanks to Larissa
avatar
Camille Morrison

Mensagens : 83
Data de inscrição : 14/11/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: We were lying on your couch I remember

Mensagem por Trenton Bondurant em Dom Nov 30, 2014 5:38 pm

I still get jealous
Even though I know you don't love me.
Ele não estava entendendo nada, apenas embalava Camille em seus braços.
Queria ela ali ao seu lado a noite toda, apenas para consola-la sem nada em troca. Encarou Cami nos olhos, mas nunca imaginou o que ela faria a seguir. Ficou parado por alguns instantes, pego de surpresa.


Mas puta que pariu, Camille estava ali em seu colo e ela havia o beijado. Ele não demorou muito tempo para retribuir, primeiramente seus lábios mal se tocaram, mas ele não conseguiria controlar-se por muito tempo. Puxou Cami para si e passou a mão em seus cabelos deslizando por suas costas até chegar em sua cintura. Ele tentou ser o mais delicado que podia, mas havia uma certa urgência em seus lábios e logo Trent estava se curvando para ela, trazendo a garota mais perto dele, se isso fosse possível.


Sua respiração estava entrecortada quando se separaram, e aqueles segundos poderiam ter sido eternos para ele. - E quando é que isto foi simples? - A "amizade" entre os dois nunca fora simples, a relação que eles tinham, por mais que Camille tentasse fugir, nunca fora simples. Ele estava pronto para beija-la novamente, porém algo o freou.


- Certo. - Ele interrompeu-a levantando. Trent nem sabia o que dizer, simplesmente levantou e saiu. Por mais que imaginasse algum reação dela, ele jamais pensaria que depois daquele beijo, o beijo que ela começou, acabaria desse jeito. Ela estava arrependida, obviamente. E ele era só a merda de um estepe.


Trent podia imaginar que ela estava carente, e que por um momento se deixou levar, mas não era ELE que ela queria. Ela queria o fodido do namorado dela. A merda do namorado que não aparecia, não ligava e que deixava-a de lado. E mesmo assim ela preferia ELE. Trent era a porra da segunda opção, a porra de um amigo. Aquela palavra de seis letras que ela adorava dizer sempre, fodia com sua cabeça. AMIGOS.
A rejeição dela depois de tudo doía pra cacete, doía tanto que Trent nem conseguia respirar. Ele saiu porta fora e não olhou para trás. Não esperou por alguma explicação de Camille, ele não queria saber o por que do arrependimento. Ele sabia. Ela não o queria, nunca quis e nunca iria querer. Ele só era um fodido que ela beijou sem querer.


Trent ligou sua caminhonete sabe-se la como e arrancou cantado pneus. Ele dirigia as cegas e precisou parar em algum lugar para poder respirar. Estava puto de raiva e ao mesmo tempo arrasado. A porra do seu peito doía tanto que ele queria arrancar seu coração fora. Queria arrebentar alguma coisa e encher a cara até que não sentisse mais nada. E era exatamente isso o que ele faria. Ele ficaria tão bêbado que não conseguiria pensar em mais nada, sobretudo naquele beijo, sobretudo sobre Camille.
Ele jurou para si mesmo que esqueceria Camille Morrison, nem que fosse a última coisa que ele faria.


ENCERRADO


 
rawr
att @ sa!

_________________
I don't want the whole story. I just want you.
avatar
Trenton Bondurant
Adultos
Adultos

Mensagens : 81
Data de inscrição : 14/11/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: We were lying on your couch I remember

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum